26 e 27 Março de 2018 @ Guimarães

ORADORES CONVIDADOS

Anne Drummond

Anne Drummond

Work-Related Road Traffic Fatalities

Anne Drummond (RGN, RM, HDipSHWW, MSc, PhD, CFIOSH, FFOM (Hon) RCPI) tem uma formação de base como enfermeira/parteira e teve uma carreira em enfermagem geral antes de se interessar e dedicar à área da Segurança e Saúde no Trabalho (SST). Em 1995, começou a trabalhar na University College Dublin (UCD) no Centro de Segurança e Saúde no Trabalho (CSHW), onde foi responsável pela gestão académica e pelo desenvolvimento do Programa Formativo do Centro de SST. Posteriormente, foi nomeada para um cargo académico e, atualmente, é a Diretora do Centro sendo também Professora e responsável pela área da SST na UCD. Tem tido um interesse particular sobre a componente pedagógica e foi diretora adjunta da área de Ensino/Aprendizagem durante alguns anos. Tem recebido prémios na área do ensino da UCD (2009 e 2016), teve uma nomeação para o prémio nacional de ensino (2009), um prémio nacional como perita em ensino (2015) e foi a vencedora de um prémio nacional na categoria especial. Tem sido a coordenadora de curso de um curso de mestrado na área de ensino online e do curso de mestrado em SST na UCD, onde mais de 8.000 alunos completaram estes cursos sob a sua coordenação. Tem estado envolvida em trabalhos de comissões quer na Universidade quer a nível nacional.

A sua área de investigação incluí a saúde pública e a segurança e saúde ocupacional. Dentro da área da SST, os seus interesses específicos focam-se na área da educação de adultos no contexto da formação em SST e Saúde e bem-estar no trabalho. Tem também desenvolvido trabalho em áreas em que as fontes de dados (a nível nacional) não estão otimizadas, tais como os sistemas nacionais de monitorização e controle de doenças profissionais e de acidentes de trabalho relacionados com o tráfego rodoviário.

Jean Christophe Le Coze

Jean Christophe Le Coze

Safety Research: Evolution, Challenges and New Directions

Jean Christophe Le Coze é investigador na área da segurança com um background multidisciplinar, incluindo nas áreas da engenharia e das ciências sociais. Atualmente desempenha funções no INERIS, o instituto francês de segurança ambiental, a sua atividade científica combina estudos etnográficos e programas de pesquisa-ação em vários sistemas críticos de segurança, com orientações empíricas, teóricas, históricas e epistemológicas. Os resultados da sua atividade científica têm vindo a ser publicados regularmente nos últimos 10 anos em artigos, livros e números especiais de revistas científicas. Jean-Christophe foi recentemente o responsável pelo “Workshop de Paris” sobre “Novas Direções na investigação na área da Segurança”, reunindo uma rede de pesquisadores ativos no campo de segurança e apontando novos problemas a serem abordados. Tópicos como a globalização, infra-estruturas críticas, a digitalização ou os riscos sistêmicos têm vindo a dar forma a novas restrições operacionais de sistemas de alto-risco e de quaisquer outras organizações que possam ter implicações para o domínio da segurança.
José Eduardo Ferreira Leal

José Eduardo Ferreira Leal

Percurso Formativo e Titulação de Médicos do Trabalho.

José E. Ferreira Leal é licenciado em Medicina e Cirurgia pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (1984) e pós-graduado em Medicina do Trabalho pela FMUP/DCG (1991-1993) e Avaliação de Dano Corporal Pós-traumático pela FMUP/INML (2005).
É Chefe do Departamento de Saúde da Sociedade de Construções Soares da Costa SA / Grupo Soares da Costa (1990) (actualmente em inactividade).
É Médico do Trabalho do Grupo ProEF – Eurico Ferreira SA (2000), PREH Portugal SA (2014), Grupo Salvador Caetano – CaetanoBUS SA (2016) e Atlanticare SA (2016).Foi Secretário Geral do Congresso Nacional de Medicina do Trabalho (CNSO 1994-2008) e da Sociedade Portuguesa de Saúde Ocupacional (SPSO 2007).É Especialista em Medicina do Trabalho pela Ordem dos Médicos (2000). Foi docente convidado dos Cursos de Pós-Graduação / Mestrados de: Medicina do Trabalho – FMUP (2000-2013), Engenharia Humana – EE UM (2003-2008) e Engenharia de Segurança e Higiene Ocupacionais – MESHO FEUP (2004-2011). É Membro do Conselho Diretivo do Colégio da Especialidade de Medicina do Trabalho da Ordem dos Médicos (2006) e actual Presidente em exercício (mandato 2015-2018).

Mahmut EKŞİOĞLU

Mahmut EKŞİOĞLU

Ergonomics: A major Element of Occupational Safety & Health

Mahmut Ekşioğlu é, atualmente, professor de Engenharia Industrial e Diretor do Laboratório de Ergonomia na Universidade de Boğaziçi (Istambul, Turquia). Teve a sua formação nos EUA e na Turquia. Concluiu o seu doutoramento em Engenharia Industrial e o Mestrado em Engenharia Industrial e Aeroespacial nos EUA e a sua licenciatura em Engenharia Mecânica na Turquia. A sua área de especialização é a Ergonomia / Engenharia Humana. Tem trabalhado nesta área desde 1992 como docente, investigador e consultor nos Estados Unidos e na Turquia. Antes de trabalhar na Universidade Boğaziçi em 2005, trabalhou durante quatro anos como docente no departamento de Engenharia Industrial da Universidade de Michigan, tendo trabalhado com a Ford Motor Company e com a indústria de ferramentas. Antes de entrar para a academia, trabalhou como investigador no NIOSH (Instituto Nacional de Segurança e Saúde Ocupacionais, nos EUA) e, como consultor em ergonomia e segurança e saúde ocupacionais, trabalhou na empresa Advanced Ergonomics, Inc. (Dallas, EUA). Enquanto trabalhou no NIOSH, e juntamente com outros dois colegas, criaram o Laboratório de exposição a vibrações no NIOSH. Na Turquia, tem orientado o seu esforço para a investigação para a criação de um “Base de Dados de Ergonomia para a População Turca” para poder ser usada na conceção de sistemas, equipamentos e produtos de trabalho mais seguros e produtivos. Publicou mais de 70 artigos em revistas e jornais da SCI, assim como vários capítulos de livro, tendo também desenvolvido uma ferramenta de avaliação na área da Ergonomia. É também o inventor da patente do “Turkish E-Keyboard”, que é também parte integrada de uma norma turca (TS 13771). É membro de várias sociedades profissionais internacionais.

Gustavo Rosal

Gustavo Rosal

Augmented Human, Problem or Solution for Ergonomics?

Gustavo Rosal, PhD. é Diretor da I&D da PrevenControl. É Engenheiro na área da interação homem-tecnologia,  Mestre em Ergonomia pela Universidade Politécnica da Catalunha e Mestre em Segurança, Saúde e Segurança Ocupacionais e Prevenção de Riscos pela Universidade Camilo José Cela. É Vice-Presidente da UNE SC5 “Ergonomia e Psicosociologia”, Secretário-Geral da Associação Espanhola de Ergonomia, membro do ICOH. Presidente do Comité Científico do 7º Congresso da Associação Espanhola de Ergonomia. Membro Espanhol do Conselho da Associação Internacional de Ergonomia – IEA.

Mário A P Vaz

Mário A P Vaz

Occupational Biomechanics for Safety Engineering

Mário A. P. Vaz licenciou-se em Engenharia Mecânica pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, em 1984. Possui um doutoramento em técnicas de interferometria  laser aplicadas à  mecânica experimental, na Universidade do Porto, em 1995. Em 1985, ingressou no INEGI, instituto universitário de interface, de apoio à indústria, criado pelo Departamento de Engenharia Mecânica da UP. É Director do Laboratório de Óptica e Mecânica Experimental (LOME / FEUP / INEGI) desde 2000. Participou na organização de várias conferências nacionais e internacionais, tanto em mecânica experimental como em biomecânica. É  titular conjunto de 5 patentes, sendo duas delas registradas em técnicas experimentais e dispositivos de medição e é autor de várias publicações sobre mecânica experimental e suas aplicações em biomecânica, sendo um dos fundadores do Laboratório de Biomecânica da Universidade do Porto (LABIOMEP). É presidente da assembleia geral da Sociedade Portuguesa de Mecânica Experimental. Em 2016 foi eleito presidente do EURASEM

José M. Cardoso Teixeira

José M. Cardoso Teixeira

Mental Distress in the Construction Activity

José M. Cardoso Teixeira tem uma licenciatura em Engenharia Civil e um Mestrado em Construção de Edifícios pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, bem como um Doutoramento em Gestão da Construção pela Loughborough University of Technology do Reino Unido. Atualmente é professor associado no Departamento de Engenharia Civil da Universidade do Minho. Tem igualmente desenvolvido atividades associadas a atividade académica, bem assim como outras atividades de índole profissional nas áreas da engenharia civil e da gestão de projetos.

Em atualização…

COMISSÕES

Presidente
A. Sérgio Miguel, Universidade do Minho, FEUP & ISCIA
Secretário
Pedro Arezes, Universidade do Minho
Membros

Gonçalo Perestrelo, SPOSHO
J. Santos Baptista, FEUP
Mónica Barroso, University of Minho
Nélson Costa, University of Minho
Patrício Cordeiro, University of Minho
Paula Carneiro, University of Minho
Rui Melo, University of Lisbon

Comissão Científica Internacional

A. Sérgio Miguel – University of Minho, FEUP & ISCIA, Portugal
Alberto Villarroya López – Servizo Galego de Saúde, Spain
Alfredo Soeiro – Universidade Porto, Faculty of Engineering (FEUP), Portugal
Álvaro Cunha – University of Porto, Faculty of Engineering (FEUP), Portugal
Ana C. Meira Castro – ISEP-School of Engineering, Polytechnic of Porto; CERENA, Portugal
Ana Ferreira – Coimbra Health School, Department of Environmental Health, Portugal
Anabela Simões – Universidade Lusófona – Departamento de Aeronáutica e Transportes, Portugal
Angela C. Macedo – Higher Institute of Maia (ISMAI), Portugal
Angélica de Souza Galdino Acioly – Federal University of Paraiba UFPB), Brazil
Anil Kumar – San Jose State University, USA
Anna Sophia Piacenza Moraes – University of Minho, Portugal
Antonio López Arquillos – University of Málaga. Spain
António Oliveira e Sousa – University of Algarve, Institute of Engineering (ISE), Portugal
Beata Mrugalska – Poznan University of Technology, Faculty of Engineering Management, Poland
Béda Barkokébas Junior – University of Pernambuco, Brazil
Bianca Vasconcelos – University of Pernambuco – UPE, Brazil
Camilo Valverde – Católica Porto Business School – Univ. Católica Portuguesa, Portugal
Carla Barros – Fernando Pessoa University, Portugal
Carla Viegas – GIAS, ESTeSL, Instituto Politécnico de Lisboa, Portugal
Catarina Silva – Faculty of Human Kinetics, University of Lisbon, Portugal
Celeste Jacinto – UNIDEMI, Universidade Nova de Lisboa, Portugal
Celina P. Leão – School of Engineering of University of Minho, Portugal
Cezar Benoliel – ALAEST / Latin American Association of Safety Engineering, Brazil
Cristina Madureira dos Reis – University of Trás-os-Montes and Alto Douro, Portugal
Delfina Gabriela Garrido Ramos – Polytechnic Institute of Cávado and Ave, Technology School, Portugal
Denis A. Coelho – C-MAST, DEM – Universidade da Beira Interior, Portugal
Divo Quintela – Faculty of Sciences and Technology, University of Coimbra, Portugal
Duarte Nuno Vieira – Faculty of Medicine, University of Coimbra, Portugal
Eliane Maria Gorga Lago – University of Pernambuco, Brazil
Ema Sacadura Leite – CHLN Occupational Department, New University of Lisbon, Portugal
Emília Duarte – IADE, Universidade Europeia, UNIDCOM, Portugal
Emilia R. Kohlman Rabbani – University of Pernambuco, Brazil
Enda Fallon -Industrial Engineering, National University of Ireland, Galway, Ireland
Evaldo Valladão – Brazilian Academy of Work Safety Engineering, Brazil
Fernanda Rodrigues – Civil Engineering Department, University of Aveiro, Portugal
Fernando Gonçalves Amaral – Federal University of Rio Grande do Sul (UFRGS), Brazil
Filipa Carvalho – Laboratório de Ergonomia, CIAUD, Universidade de Lisboa, Portugal
Filomena Carnide – Faculty of Human Kinetics, University of Lisbon, Portugal
Florentino Serranheira – National School of Public Health, Universidade Nova de Lisboa, Portugal
Francisco dos Santos Rebelo – Universidade de Lisboa, FMH, Laboratório de Ergonomia, Portugal
Francisco Fraga López – Professor of Applied Physics, Spain
Francisco Masculo – Paraiba Federal University, Brazil
Francisco Silva – Technological Centre for Ceramics and Glass (CTCV), Portugal
Guilherme Teodoro Buest – ABENC – Brazilian Association of Civil Engineers, Brazil
Hélio Cavalcanti Albuquerque Neto – Federal University of Piauí, Brazil
Hernâni Veloso Neto – RICOT, Institute of Sociology, University of Porto, Portugal
Ignacio Castellucci – Escuela de Kinesiología, Universidad de Valparaíso, Chile
Ignacio Pavón – TSI Industriales, Universidad Politécnica de Madrid, Spain
Isabel L. Nunes – Faculty of Science and Technology of NOVA University of Lisbon, Portugal
Isabel Loureiro – School of Engineering of the University of Minho, Portugal
Isabel S. Silva – School of Psychology, University of Minho, Portugal
J. Santos Baptista – Faculty of Engineering, University of Porto, Portugal
Jack Dennerlein – Harvard University / Northeastern University, USA
Jesús A.Carrillo-Castrillo – Universidad de Sevilla, Spain
Joana Cristina Cardoso Guedes – University of Porto, Faculty of Engineering (FEUP), Portugal
Joana Santos – School of Health, Polytechnic Institute of Porto, Portugal
João Areosa – CICS.NOVA; ISLA_Leiria; IPS, Portugal
João Ventura – IN+ (Inov., Tecnologia e Políticas de Desenvolvimento), IST, Portugal
Jorge Gaspar – ISEC Lisboa – Higher Institute of Education and Sciences, Portugal
Jorge Patricio – National Laboratory for Civil Engineering, Portugal
José Castela Torres da Costa – Faculty of Medicine, University of Porto, Portugal
José Cardoso Teixeira – University of Minho, Portugal
José Carvalhais -Faculty of Human Kinetics, University of Lisbon, Portugal
José Keating – School of Psychology – University of Minho, Portugal
José L. Meliá – University of Valencia, Spain
José Miquel Cabeças – Faculty of Science and Technology, New University of Lisbon, Portugal
José Pedro Teixeira Domingues – University of Minho, Portugal
Joseph Coughlin – Massachusetts Institute of Technology – AgeLab, USA
Juan Carlos Rubio-Romero – University of Málaga, Spain
Laura Martins – Universidade Federal de Pernambuco, Brazil
Liliana Cunha – University of Porto, Portugal
Luis Antonio dos Santos Franz – Federal University of Pelotas, Brazil
Luiz Silva – Federal University of Paraíba, CESET-LAT, Brazil
Mª D. Martínez-Aires – Department of Building Construction, University of Granada, Spain
Mahmut Eksioglu – Bogazici University, Turkey
Mahrus K. Umami – University of Trunojoyo Madura – UTM, Indonesia
Manuela Vieira da Silva – School of Health of Polytechnic Porto, Portugal
Marcelo M. Soares – Federal University of Pernambuco, Brazil
Marcelo Pereira da Silva – Federal University of Rio Grande do Sul, Brazil
Maria Antónia Gonçalves – School of Engineering, Polytechnic of Porto, Portugal
Maria José Marques Abreu – Department of Textile Engineering, University of Minho, Portugal
Maria Luísa Matos – FEUP, Portugal
Marino Menozzi – Human Factors Engineering, ETH Zurich, Switzerland
Mário A P Vaz – FEUP-INEGI, Portugal
Marta Santos – University of Porto, Portugal
Martin Lavallière – UQAC, Canada
Martina Kellly – National University of Ireland Galway, Ireland
Matilde Alexandra Rodrigues – Polytechnic Institute of Porto, School of Health, Portugal
Maurília de Almeida Bastos – IFSC, Federal Institute of Santa Catarina, Brazil
Miguel Corticeiro Neves – Portuguese Air Force and Coimbra Health School, Portugal
Miguel Tato Diogo – University of Porto, Faculty of Engineering (FEUP), Portugal
Mohammad Shahriari – Professor at Konya Nacmettin Erbakan University, Konya, Turkey
Monica Frias Costa Paz Barroso – Universidade Minho/SPOSHO, Portugal
Nélson Costa – University of Minho, Portugal
Nelson Rodrigues – University of Minho, Portugal
Olga Mayan – University Institute of Maia, Portugal
Paul Swuste – Safet Science and Security Group TUDelft, The Netherlands
Paula Carneiro – University of Minho, Portugal
Paulo A. A. Oliveira – School of Technology and Management – Polytechnic of Porto, Portugal
Paulo Flores – University of Minho, Department of Mechanical Engineering, Portugal
Paulo Noriega – Universidade Lisboa, Portugal
Paulo Sampaio – University of Minho, Portugal
Paulo Victor R. de Carvalho – Nuclear Engineering Institute, Portugal
Pedro Arezes – University of Minho, Portugal
Pedro Mondelo – UPC, Spain
Pedro NP Ferreira – IST-CENTEC (Centre for Marine Technology and Ocean Engineering), Portugal
Pere Sanz Gallen – University of Barcelona, Faculty of Medicine of Barcelona, Spain
Ravindra S Goonetilleke – Hong Kong Univ. of Science and Technology, China
Rui Azevedo – University Institute of Maia, Portugal
Rui B. Melo – Laboratório de Ergonomia, CIAUD, Universidade de Lisboa, Portugal
Rui Garganta – Porto University. Faculty of Sport Sciences, Portugal
Salman Nazir – University College of SouthEast, Norway
Sara Bragança – Southampton Solent University,  Reino Unido
Sérgio Sousa – University of Minho, Portugal
Sílvia Agostinho da Silva – ISCTE-IUL, IBS, BRU-IUL, Portugal
Susana Costa – University of Minho, Portugal
Susana Patrícia Bastos de Sousa – INEGI, Portugal
Susana Viegas – GIAS – Lisbon School of Health Technology, IPL, Portugal
Szabó Gyula – Óbuda University, Budapest, Hungary
Tânia Miranda Lima – University of Beira Interior, Portugal
Teerayut Sa-ngiamsak – Burapha University, Industrial Hygiene and Safety Department, Thailand
Teresa Patrone Cotrim – Laboratório de Ergonomia, CIAUD, Universidade de Lisboa, Portugal
Tomi Zlatar – University of Pernambuco – UPE, Brazil
Waldemar Karwowski – University of Central Florida, USA
Walter Franklin Marques Correia – Federal University of Pernambuco | CAc | Design Depto, Brazil

SUBMISSÕES

Leia, por favor, atentamente, todo o conteúdo desta secção antes de submeter o seu Artigo Científico ou Artigo Técnico. A submissão deve ser feita por via electrónica, considerando os prazos apresentados em baixo. O Artigo Científico ou Técnico pode ser apresentado oralmente ou através de um Poster. Tendo em consideração a limitação dos tempos disponíveis para as apresentações orais, alguns autores podem ser convidados a apresentar o seu trabalho sob a forma de poster, mesmo que tenham indicado a sua preferência pela apresentação oral. Nesta edição do SHO as sessões temáticas nas diferentes salas, serão organizadas por língua de trabalho (Português e Inglês). Assim, as apresentações orais obedecem aos seguintes critérios:

  1. Artigos Científicos | Apresentação obrigatória em Inglês
  2. Artigos Técnicos |
    • Artigos em inglês  | Apresentação obrigatória em inglês
    • Artigos em português | Apresentação obrigatória em português

NOTA IMPORTANTE: A inclusão dos artigos aceites nas publicações do colóquio pressupõe que os autores se comprometem a apresentar os respectivos trabalhos no mesmo. Caso o não façam, e não apresentem qualquer justificação, ficarão impedidos de publicar um novo artigo nas edições seguintes do evento.

Descrição do processo de revisão e prazos para as submissões:  

  1. Artigos Científicos – Submissão de um artigo (4-5 pag.) em inglês  que será publicado num livro editado pela CRC Press (Taylor & Francis). Uma vez aceite,  a inclusão de cada artigo implica a inscrição de, pelo menos, um dos autores e o pagamento de uma taxa de publicação. O autor inscrito receberá um exemplar deste livro.
  2. Artigos Técnicos – Submissão de um artigo técnico (2-4 pag.) em português ou inglês, que será publicado no livro de proceedings (com ISBN). Uma vez aceite,  a inclusão de cada artigo implica a inscrição de, pelo menos, um dos autores . Cada inscrição dá direito a 1 artigo. A submissão de mais de 1 artigo implica o pagamento de uma taxa por artigo adicional.

PARA VER A LISTA DE TEMAS RELEVANTES CLIQUE AQUI

ARTIGOS CIENTÍFICOS

A incluir em LIVRO (publicado pela CRC Press – Taylor & Francis). Artigos de 4 a 5 páginas escritos em inglês. Os artigos podem ser apresentados oralmente ou em poster.
  1. 31/10/2017
  2. Data limite para a submissão de artigos.Envio pelos autores para dupla revisão anónima
  3. 01/12/2017Envio da decisão dos revisores ao autor principal
  4. Artigo rejeitado | Aceitação condicional do artigo | Artigo aceite
  5. 15/12/2017Submissão de artigos revistos

  6. Revisão pela Comissão Organizadora
  7. Artigo rejeitado | Artigo aceite
  8. 30/12/2017Envio da decisão ao autor principal, por email
  9. Os artigos aceites serão incluídos no Programa Final e no LIVRO (a ser proposto à ISI e à Scopus para indexação)

Para a preparação dos ARTIGOS, os autores deverão ler e seguir cuidadosamente todas as instruções de submissão e seguindo de forma obrigatória o formato indicado nos modelos  disponibilizados AQUI. Será importante que no ficheiro enviado (em .doc ou .docx) não haja qualquer identificação dos autores, uma vez que o processo de revisão é anónimo. Regras básicas para submissões de artigos:

  • Os artigos devem ser submetidos em formato word (.doc ou .docx) no campo designado por “Paper” e a versão .pdf do artigo deve ser submetida obrigatoriamente no campo designado por “Attachment“.
  • Os artigos têm de ser submetidos em inglês;
  • Os autores devem indicar a área científica específica do artigo, usando as categorias sugeridas ou indicando “outras” (categoria nº27);
  • Os artigos serão revistos de acordo com os seguintes critérios: relevância do trabalho; relevância para o SHO; qualidade técnica/científica; originalidade; qualidade da escrita;
  • Pelo menos um dos autores deve estar registado até à data de envio da decisão final ao autor principal. Se nenhum dos autores estiver inscrito até essa data, o artigo será, automaticamente, removido do programa e do livro.

ARTIGOS TÉCNICOS

Submissão de artigo  com 2 a 4 páginas, em português ou inglês. Os artigos podem ser apresentados oralmente ou em poster.
  1. 10/01/2018 Prazo para a submissão de artigos
  2. Envio pelos autores para dupla revisão anónima
  3. 05/02/2018Envio da decisão dos revisores ao autor principal
  4. Artigo rejeitado | Aceitação condicional do artigo | Artigo aceite
  5. 15/02/2018Submissão de artigos revistos
  6. Revisão pela Comissão Organizadora
  7. Artigo rejeitado | Artigo aceite
  8. 26/02/2018Envio da decisão ao autor principal, por email
  9. Os ARTIGOS serão incluídos no  Programa Final e publicados no livro de proceedings (com ISBN).

Para a preparação dos artigos, deve ser utilizado o modelo disponibilizado AQUI. Será importante que no ficheiro enviado (em .doc ou .docx) não haja qualquer identificação dos autores, uma vez que o processo de revisão é anónimo. Regras básicas para submissões de artigos curtos:

  • Os artigos podem ser escritos, quer em inglês, quer em português;
  • Os autores devem indicar a área científica específica do artigo curto, usando as categorias sugeridas ou indicando “outras” (categoria nº27);
  • Se o artigo for submetido em português, deve ter também o título em inglês (português e inglês), mas o abstract e keywords devem ser redigidos apenas em inglês;
  • A extensão mínima é de 2 páginas e a máxima de 4 páginas, de acordo com o formato proposto no template. Os artigos técnicos com mais de 4 páginas, ou menos de 2, serão automaticamente rejeitados;
  • Os  artigos técnicos serão revistos de acordo com os seguintes critérios: relevância do trabalho; relevância para a SHO; qualidade técnica/científica; originalidade; qualidade da escrita;
  • Pelo menos um dos autores deve estar registado até à data de envio da decisão final ao autor principal. Se nenhum dos autores estiver inscrito até essa data, o artigo curto será, automaticamente, removido do programa e da publicação de proceedings.

CONVTE PARA PUBLCAÇÕES  – Os autores selecionados serão convidados a enviar uma versão alargada e revista dos seus artigos para Publicações que serão anunciadas mais tarde.

INSTRUÇÕES GERAIS PARA POSTERS – Prepare, por favor, o seu poster, respeitando as dimensões do template (90 cm de largura x 70 cm de altura); – Recomenda-se que os posters sejam preparados de modo a serem impressos numa única folha; – Considerar a parte superior do poster para o título e autores, como indicado no resumo submetido; – Texto, ilustrações, etc., devem ser, suficientemente, destacados para serem lidos a partir de uma distância de 2 metros; – Os posters deverão ser impressos pelos autores e entregues no secretariado do colóquio durante a manhã de 26 de Março; – A montagem dos posters nos placards é da responsabilidade da organização. Para a elaboração dos posters, deve ser usado o modelo disponibilizado AQUI.

“International Journal of Occupational and Environmental Safety”

(IJOOES) é uma revista interdisciplinar com revisão por pares, promovida pela Sociedade Portuguesa de Segurança e Higiene Ocupacionais para publicação de investigação original. Os autores dos melhores artigos apresentados no SHO 2018 serão posteriormente contactados pelo IJOOES para publicar uma versão estendida do seu trabalho.

APOIOS

Organização

logofinal

Co-Organizadores

apoio_coorganisers

Apoio Institucional

PATROCINADORES

Espaço dedicado aos patrocinadores do SHO 2018

MEDIA PARTNERS

Espaço dedicado aos Media Partners do SHO 2018

REGISTO

O registo pode ser efetuado on line (apenas disponível em Inglês), o qual permite o pagamento, igualmente, on line. AQUI Para mais informações sobre inscrições ou casos especiais, contacte a Comissão Organizadora: sho2018@sposho.pt Taxas de Inscrição As taxas apresentadas (em euros) incluem 2 almoços (não contemplados nas inscrições como estudante), toda a documentação do congresso (incluindo o proceedings book com os artigos técnicos) e coffee breaks. O livro de artigos científicos, editado pela Taylor & Francis, NÃO está incluído no preço de inscrição.

Até 05/Mar/2018 Depois de 05/Mar/2018
Membro SPOSHO* 120 € 150 €
Autor** 170 € 210 €
Outro 210 € 250 €
Estudante*** 75 € 100 €
Artigo Técnico adicional (>1 artigo curto) 30 € /Artigo Técnico N.A.
Publicação de Artigo Científico (cada) **** 75 € /Artigo Científico N.A.

*Com as quotas em dia. Para mais informações, visite o site da SPOSHO

** Para a publicação dos artigos científicos e/ou técnicos, pelo menos um dos autores deve estar registado. Para os artigos científicos até 30/12/2017, e para os artigos técnicos até 26/02/2018.

*** Para ser considerado estudante a tempo inteiro (alunos de mestrados e doutoramento não elegíveis), deve ter menos de 30 anos e apresentar uma declaração da Universidade. Este tipo de inscrição NÃO contempla almoços.

**** O pagamento da inclusão de um artigo  dá direito a 1 livro (editado pela Taylor & Francis) apenas para o autor que faz esse pagamento.

Politica de cancelamento e reembolso Apenas serão reembolsados a 100%, pedidos de cancelamento da inscrição anteriores a 20 de Fevereiro de 2018. Para pedidos efetuados entre 20 de Fevereiro e 5  de Março será efetuado um reembolso de apenas 60% do valor pago. Depois de 5 de Março de 2018 não serão efetuados reembolsos.

Seja associado da SPOSHO Visite www.sposho.pt  e obtenha um desconto na inscrição superior a 35%

Secretariado oficial e alojamento

Abreu Events
A/C Maria João Coelho
Praça da Trindade, 142, 4º

4000-285 Porto | Portugal

Telef.+351 222 043 571

e-mail: maria.j.coelho@abreu.pt

LOCAL

As sessões principais terão lugar no Auditório Nobre da Escola de Engenharia da Universidade do Minho. As sessões paralelas terão lugar em salas próximas do auditório nobre e que serão divulgadas mais tarde. Como chegar a Guimarães/Universidade do Minho? O aeroporto mais próximo é o aeroporto do Porto, “Aeroporto Francisco Sá Carneiro”. Poderá fazer a viagem desde o aeroporto até Guimarães usando um shuttle directo (para mais informações poderá visitar este link). Em alternativa, poderá apanhar um táxi (~50 km), ou uma opção mais barata será ir de metro, usando o “Metro do Porto” (www.metrodoporto.pt), indo desde o aeroporto até à estação de comboios de Campanhã. O comboio para Guimarães (ver horário) parte da estação de comboios de Campanhã. De carro e usando um sistema de navegação, a Universidade do Minho poderá ser identificada através da seguinte posição GPS: N 41º27’01.58’’ W 8º17’38.08’’

CONTACTOS

Comissão Organizadora E-mail: sho2018@sposho.pt Tel: +253 510 367 DPS, Universidade do Minho 4800-058 Guimarães PORTUGAL

Secretariado Oficial e Alojamento Viagens Abreu, S.A. A/C Departamento de Congressos Avenida dos Aliados, 207 4000-067 Porto PORTUGAL tel: +351 222 043 570 fax: +351 222 043 693 e-mail: lurdes.catalino@abreu.pt

SPOSHO URL: https://www.sposho.pt E-mail: sposho@sposho.pt DPS, Universidade do Minho 4800-058 Guimarães PORTUGAL

SHO

Pin It on Pinterest